fbpx

Intolerância no trânsito

[wpvideo hMkEhIzv]

Hoje cedo postei esse vídeo no meu instagram (@milenaserro) falando sobre uma técnica que aprendi e que mudou a minha vida no trânsito! Assistam, é mais legal do que eu apenas escrever! 😉

Depois que postei fiquei refletindo um pouco mais sobre isso. As pessoas estão cada vez mais intolerantes – para não dizer loucas – no trânsito. Qualquer coisinha é motivo para um descontrole, uma ira tão grande, que as pessoas saem distribuindo xingamentos, ofensas e sinais obscenos.  Paciência e gentileza são coisas raras no trânsito.

Meu objetivo aqui não é falar das razões que levam a esse descontrole tão grande. Mas quero propor uma reflexão/exercício: que tal nos esforçarmos para não entrar nessa loucura toda? Que tal sermos o ponto fora da curva, aquelas pessoas que encaram as situações que enfrentamos no trânsito de uma forma mais leve?

De uns tempos pra cá, tenho me esforçado nesse sentido. Toda vez que levo uma fechada, ao invés de mandar o sujeito praquele lugar, respiro fundo e penso: coitado, está correndo para levar a mulher que está em trabalho de parto para o hospital; poxa, ele não me viu; tá correndo pra não chegar atrasado na reunião e não perder o emprego; ou qualquer outra história que eu inventar na hora. Se o meu ímpeto de xingar está muito forte, aí sim eu falo bem alto: vai com Deus inspiração da minha evolução! 🙂

O fato é que eu acredito que não vale a pena me estressar por causa do trânsito. Ficar estressada, com raiva, xingando meio mundo não vai me levar a lugar nenhum! O sujeito que me deu a fechada vai seguir o caminho dele, e eu vou ficar lá, mandando energia ruim para o universo e ruminando sentimentos ruins. Sem contar que as chances de eu chegar ao meu destino e descontar essa raiva em outra pessoa – que não tem nada a ver com a história – é grande, né?

Então, pessoal, fica o convite para reflexão: vale a pena ficar estressado no trânsito? Que tipo de emoção/sentimento isso vai te gerar?

E lembrem-se: mudanças de comportamentos exigem treino! Quanto mais você praticar, mais fácil vai ficar pra você encarar o trânsito de uma forma mais leve! Experimentem e depois me contem como foi!

calma, gentileza, leveza, paciência, reflexões, stress, trânsito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desenvolvido por Agência BMC